BEDA · Cartas e Escritos

[BEDA #22] | Flop do BEDA + Reflexões

Olá, queridos reclusos! Não, não me esqueci de vocês e tampouco abandonei o blog, mas adivinha quem ficou doente, teve problemas com o WordPress e, de quebra, estava com a internet oscilando? Então, vemos aqui um famoso caso de flop.

Pensei em mil hipóteses de o que dizer para me justificar ou algo assim, como fazer desse um bom post (mesmo que só para dizer que voltei) e lotei o Whats App dos meus amigos pedindo inspirações de o que mais escrever (pois um tempo sem escrever traz consigo um bloqueio criativo enorme, creio que os blogueiros irão concordar comigo), até que surgiu um start.

Bom, eu estabeleci um compromisso no blog durante esse mês. Não o honrei, isso é fato, então… O que eu fiz diante dessa situação? Melhor, o que temos feito quando não honramos nossos compromissos (ainda mais aqueles que não queríamos desonrar)?

Fiz uma pesquisa de campo (obrigada de coração, Alternative, por colaborar com isso ❤ ) e percebi que algumas pessoas arrumam alguma desculpa para justificar o que aconteceu, mas seria essa a forma mais acertada de se redimir por algum erro? Apenas “arrumar uma desculpa” ou se desculpar realmente por aquilo? Ser sincero, abrir o jogo e aceitar o fato de que a outra pessoa pode não entender a situação em que você se envolveu não seria uma alternativa mais… Justa?

Onde exatamente eu pretendo chegar com esse texto? Talvez apenas refletir acerca de como lidamos realmente com os compromissos que fazemos. Vejam bem, eu me atrapalhei com as postagens, não me organizei bem e, quando surgiu um imprevisto, eu não estava pronta para lidar com ele e, com isso, não cumpri minhas metas de postagem. Entro agora em outra questão: quando assumimos um compromisso com algo sabemos realmente onde estamos entrando, o que exatamente temos que fazer e quais imprevistos podem surgir para nos interromper?

O que esse texto trará na vida de cada um é pessoal, mas espero que essa reflexão que me atingiu possa atingir a vida de outras pessoas e nos torne mais sensatos quanto àquilo que nos propomos a fazer. Ah, claro, e quanto a como iremos reagir de agora em diante quando não pudermos cumprir o que prometemos. De volta ao BEDA, até amanhã!

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s