BEDA · Projetos e Apresentações

[BEDA #1] – O Início do Fim

Bom, cá estamos nós em mais uma tentativa de dar seguimento com esse blog. Agora a “culpa” é da correria da minha vida e tudo que ela tem se tornado, mas… Resolvi tentar de novo fazer um BEDA decente e veremos se dessa vez vai dar certo. Eu já fiz, ano passado, um post explicando o que é BEDA, o que significa e essas coisas todas (tá aqui), então vou focar em outras coisas nesse post. Esse é um dos primeiros posts que eu faço pros leitores de fato a um bom tempo, então é quase que um começo.

Talvez você que esteja lendo esse texto agora não saiba, mas ano passado, quando eu criei o blog, minha intenção era fazer algo temporário. Nesse post aqui (o primeiro aliás) eu conto qual era o meu plano: fazer um blog temporário e, depois de um ano, encerrar ele esse mês. Eu até recebi a sugestão de fazer um BEDA e, depois, terminar. Pronto, simples assim. Acontece que o tumulto de coisas que vieram depois mudaram os meus rumos.

O blog era parte de um projeto pessoal meu sim, eu estou contando a mesma história do primeiro post pra facilitar e a ideia inicial era fazer um blog e um canal que acabou não saindo e não vai sair onde eu compartilharia coisas da minha vida. Abrindo o jogo, eu fiz isso porque eu queria ser relevante. Eu queria que minha opinião fosse relevante, queria ter o poder da influência e que minhas palavras tivessem algum impacto na sociedade. Se eu achasse a lista hoje que eu fiz o favor de sumir no meio do furacão de papeis que invadiram meu quarto das 20 coisas que eu queria fazer antes dos 20 anos (idade que eu faço daqui uns dias), tinha um monte de coisa que, olhando hoje, eu não fiz ou não alcancei. Então, o post de hoje na verdade vai ser sobre isso: esses planos que mudam de rumo e como isso afetou o Reclusidades. Não prometo nada, mas vou tentar ser breve.

No começo do ano passado eu tinha 18 anos, foi com essa idade que eu criei o blog. Minha realidade naquela época era de uma jovem que acabara de ingressar no 5º período do curso de Direito, recém saída da adolescência, legalmente adulta e que já tinha uma vida toda montada até os 30 anos, então seria bem fácil programar a entrada e uma saída de um canal e blog na vida dela, não? Acontece que Deus não se molda aos nossos planos, Ele escreve os dEle.

Ao longo do ano passado muita coisa aconteceu na minha vida, tanto em relação aos estudos quanto nas minhas emoções: fiz e perdi amigos, acertei e errei nas minhas escolhas, passei por vários altos e baixos em todos os sentidos e cresci muito em meio a tudo que me cercou, mas o mais importante é que ano passado foi o ano do meu encontro com o Criador. Logo após esse encontro tão forte, eu até fiz um texto aqui no blog depois de mais um sumiço louco falando sobre como as coisas estavam sendo pra mim e como eu passei a ver tudo tão diferente.

Eu sabia e até temia que os rumos do Reclusidades fossem mudados com isso. Eu passei alguns dias em desespero, entrei em uma saga tentando reformar o Reclusidades, pensei em excluir o blog e o conteúdo dele… Tudo num intervalo de uma semana, mas acabei desistindo por uma série de fatores dentre eles o fato de o blog não ser mais só meu. Acabei, por fim, criando um outro blog e me arrependendo em seguida, mas mesmo com tudo isso eu sabia que o meu primeiro sonho foi com o Reclusidades, então eu não podia abandoná-lo.

Bom, cá estou eu de novo.

Quanto a mim e o que EU vou escrever daqui em diante, confesso que sempre terão alguma impressão da nova pessoa que Ele está trazendo a tona em mim. Claro que não tem como eu ficar postando tudo que Ele fala pra mim aqui, já que algumas conversas que temos Ele me diz que eu não vou falar sobre aquilo com ninguém (o que, só fazendo uma pausa, se encaixa com o meu primeiro desejo de ser relevante. Ele me mostrou que essa relevância e importância que eu tanto queria eu encontro nEle EU SOU IMPORTANTE PRA ELEEEEE, não aqui), mas quem eu sou não pode ser algo diferente de quem eu demonstro ser. Aliás, se tem algo que eu aprendi e continuo a aprender é que eu sempre tenho que demonstrar ser quem eu, de fato, sou.

Logo, apesar do nome que eu dei pro post, esse não é o fim do Reclusidades. É o fim do que eu era, início do que eu sou hoje e algo totalmente novo. Agora, quanto a como as outras autoras (se elas aparecerem sumidas elas) reagirão ou se comportarão, isso é outra história. Falo por mim, então é isso. Pretendo retomar os posts sobre livros mesmo com o fato de eu não estar lendo tanto quanto antes e sobre músicas, pretendo passar a indicar mais pessoas de quem eu tenho me cercado virtualmente, por me influenciarem (e, na verdade, já existe uma página aqui no blog só pra isso e o link é esse aqui)… Tenho alguns planos pro Reclusidades ainda e espero que eles funcionem, mas sempre vai acontecer o que Ele quiser que aconteça.

Enfim, apesar de ter ficado enorme esse texto e talvez um pouco sem sentido, era um pouco do que eu queria dizer e lembrar que esse é apenas a primeira de uma série de postagens diárias durante todo o mês de Abril =] então fiquem com Deus e até amanhã com mais BEDA, nesse mesmo horário e mesmo local (todos os dias 12:00 em ponto), até!

Ah, e eu ainda quero avisar uma coisinha antes do final do texto: eu tive a recente ideia de fixar um “cronograma” pro BEDA, meio que pra vocês saberem o que esperar. Eu convidei algumas pessoas para escreverem pro RD, então às sextas-feiras sairão os textos dos convidados; aos sábados (começando de sábado que vem) sairão posts novos da série Cartas Alternativas; nas quartas-feiras eu farei uma série de Top 5, provavelmente todos relacionados com música; e nas segundas-feiras eu vou tentar fazer um Contando as Letras, só que nem sempre de livro, porque eu já planejei alguns de autores também. Toda  segunda, quarta, sexta e sábado vai ser post específico. Se eu tiver alguma outra ideia sobre isso, conto pra vocês também. Ah, e se vocês tiverem alguma sugestão, me contem PLIS. Agora é só, até!

Anúncios

Um comentário em “[BEDA #1] – O Início do Fim

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s