BEDA · Cartas e Escritos

[BEDA #14] – Cartas Alternativas #5

Olá, queridos reclusos! Como vocês estão? Antes de qualquer coisa, não; hoje não é sábado. Apesar de estar no cronograma oficial do BEDA que as Cartas Alternativas só sairiam no sábado, por vários motivos técnicos eu antecipei pra hoje e tenho dois avisos para dar: amanhã não teremos post e domingo teremos mais de um post. O motivo vocês vão descobrir no domingo (ou eu conto na segunda pra vocês).

Hoje a carta não é para ninguém do Alternative, apesar da premissa inicial do quadro ser essa, mas como eu disse no sábado passado eu vou usar esse quadro para escrever para as pessoas que eu amo. Esse é o caso de hoje, em uma carta para a aniversariante mais linda do dia. Ah, e até domingo!

Laurex,

Eu podia começar essa carta te chamando de muita coisa, mas nada mais justo que usar o apelido que eu te dei, não é mesmo? Como você está? Sim, faz tempo que não nos vemos e que não nos falamos, mas eu não te mandei parabéns justamente pra que você recebesse essa carta.

Particularmente eu jamais poderei ser grata a Deus o bastante por ele ter me dado uma amiga como você. Considerando o fato que eu sou bastante egoísta nas minhas amizades, por querer um lugar pra despejar as coisas que acontecem comigo, eu aprendi a ouvir bastante coisa sua (mesmo que não fosse da sua natureza falar muito). Tenho várias coisas a agradecer por você ter me ensinado e talvez a mais importante delas seja que eu jamais posso olhar o mundo pelos olhos da maioria.

Obrigada por não ter olhado pra mim com esses olhos, por ter sido uma amiga desde sempre (mesmo quando uma sala inteira não gostava de mim) e por ter me ensinado a gostar de ler e me emprestado Hush Hush. Sério, muito de quem eu sou hoje aprendi contigo.

Você sabe o quanto você é importante e especial pra mim, não é? A primeira amiga que eu fiz depois de chegar em uma cidade estranha e alguém de quem me lembro várias vezes por dia. Sério, conversando com qualquer pessoa eu consigo incluir seu nome facilmente.

Obrigada Jesus por me enviar a Laura, obrigada pelos nossos 10 anos de amizade e obrigada por ela ter completado 21 anos de vida. Você se tornou uma mulher incrível, Laura, nunca vou me cansar de aprender contigo, mesmo que nossos destinos tenham nos afastado fisicamente (amém pelo Facebook).

Eu podia ficar aqui escrevendo horas e horas sobre você, mas vou terminar por aqui. Você já sabe o que é pra mim, então eu não preciso passar inveja pública na Internet do quanto eu te amo. Beijo grande, ADSD, e muitos anos de vida! Peço a Deus que continue a guardar seus caminhos como já tem feito com maestria. FELICIDADES!

Com MUITO amor e gratidão,

Lucy.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s