BEDA · Cartas e Escritos

[BEDA #23] – Entre o Suicídio e Deus

Quero começar esse post pedindo perdão. Eu sei que o tema começou a ficar saturado com esse aumento súbito de interesse sobre o assunto, mas ele é importante. Só que vocês já pararam pra pensar que, mesmo com tanta gente falando do suicídio, os dados ainda não sofreram uma alteração (ao contrário, anda subindo)?

Precisamos de mais ação.

Esse texto está longe de ser o que de melhor eu posso fazer a respeito, mas eu quero começar por um lugar e ir melhorando.

Meu maior intuito com esse texto é que olhos se abram e ouvidos ouçam o clamor de Cristo em propagar Sua Vida. Ele é dividido em quatro partes: filhos, pais, igreja e uma parte para todos.

Para os Filhos

Essa é a faixa mais suscetível ao ataque demoníaco, mas antes que você pense que é só um texto que aponta seus erros e diz que você tem que mudar, não. Eu estive aí.

Eu escrevi meu testemunho (que você pode ler clicando aqui), então não vou me ater aos detalhes, só aos sentimentos. Eu sei qual é a dor, eu sei o que você sente. Eu não vi propósito na minha vida por vários anos e pensei que o mundo me rejeitava quase que a uma vida inteira. Eu não via amor de lado nenhum e, acredite, ninguém ao meu redor teria motivos para me amar. Ninguém tem, até hoje, mas eu conheci uma pessoa que mudou minha vida.

O velho discurso de que Jesus Transforma não é brincadeira e não é jargão. Esqueça um pouco o Jesus das igrejas (não foi o próprio Jesus que veio dando bronca nos líderes das igrejas da época dele?) e procure o Jesus verdadeiro. Aquele que ama e que busca dar um significado à vida de cada pessoa, Aquele que quer impedir qualquer ato de loucura -a maior delas Ele já fez – Aquele que ama incondicionalmente e apesar de qualquer dos seus erros.

Eu já errei pra caramba com Ele, e olha que eu “nasci sabendo”, já que desde cedo eu to na igreja. 18 anos foram necessários para que eu O conhecesse e mais 1 pra que eu me entregasse completamente. Ele tava me buscando desde sempre e Ele tá te buscando também.

Jesus te ama, independente do que você fez, Ele ama quem você é. Ele que te fez, Ele sabia o que tava fazendo quando te formou e amou o que fez, o que te faz duvidar disso?

Esse amor quer te resgatar desse lugar escuro e sombrio. Esse amor quer se doar pra você e quer fazer você senti-lO com todas as forças. Ele é o amor e Ele te busca o tempo todo.

Para os Pais

Depressão não é brincadeira. Suicídio e abandono não são brincadeira. Parem de tratar isso como frescura e passem a olhar para seus filhos, por favor.

Gerações passadas sofreram na infância e cresceram com o pensamento “darei tudo de bom e melhor para o meu filho, ele nunca vai sofrer”, só que o mais doloroso sofrimento causado a eles vêm disso, o ato de se ausentarem das vidas deles para conquistar.

Vocês ensinam aos seus filhos que o ter é mais importante que o ser e ainda perguntam o que fizeram de errado. Quando eles sentem que não têm nada de importante, acreditam que o ser deles é determinado por isso e sofrem. Um exemplo para facilitar.

Um pai que valoriza o ter mais que o ser coloca isso na cabeça do filho de tal forma que, quando ele crescer, se ele não tiver nada, vai achar que não é ninguém por causa disso.


O que você tem não determina quem você é.

Pais, abram os olhos para seus filhos que morrem enquanto vocês trabalham em busca “do melhor”. O melhor que os pais dão aos seus filhos é a presença e o ensino (ensino de casa, não o da escola). Sejam, não tenham.

Para a Igreja

Falem sobre isso, por favor. Um tema tão relevante e importante, algo que eu tenho sentido Cristo gritar, dizendo “quem dirá a eles como Eu me sinto em relação a isso?”. Jesus quer resgatar os perdidos, inclusive os que se perderam de suas próprias vidas.

Cristo veio libertar os aprisionados, inclusive os que vivem presos na ilusão de que são rejeitados. Cristo veio amar e acolher os desprezados, incluindo os que a muito tempo não sabem (ou nunca souberam) o que é ser amado de verdade, já que Ele é Amor.

Não existe liberdade longe dele. A prisão mental que satanás monta na mente de tanta gente, dizendo que elas fariam um favor ao mundo ao tirar a própria vida, precisa ser quebrada e somente a Verdade pode fazer isso.

A Verdade clama por pessoas que libertem essas pessoas de suas prisões. A Verdade clama por um espaço na voz da Sua noiva, que está tão desatenta e preocupada com outras coisas. Noiva, acorde! Seu Noivo ama essas pessoas e com elas também Ele quer cear, seja as mãos do seu Amado e as resgate dessa escuridão.

Faça a sua parte, Igreja.

Para Todos

A forma como você trata as pessoas pode ser determinante para o futuro dela. Eu não to falando isso porque eu vi a série, longe disso. Eu to falando isso de vivência, eu quase me deixei levar pelas mentiras que me disseram e pela forma como me trataram, até que o Amor me resgatou desse beco escuro e me deu a Vida dEle.

Deus amou o mundo. Ele amou MUITO o mundo. Amou TANTO o mundo que enviou Jesus, Seu filho. Enviou Seu ÚNICO filho, por amor. Enviou Seu único filho para nos salvar. Para morrer por nós. Para MORRER por nós. Por NÓS. Para NOS salvar. Para nos SALVAR. Por AMOR. Por você. O preço já foi pago, por amor. Ele quer te resgatar.

Aceite.

E que o Amor encontre todos vocês.

Anúncios

2 comentários em “[BEDA #23] – Entre o Suicídio e Deus

  1. Andrelúcia, parabéns por esse post.
    Realmente muito se fala sobre o tema suicídio, mas os dados continuam sem nenhuma queda.
    É importante que o assunto seja colocado a tona, da maneira como você fez, sem grandes lições, apenas buscando compreender o outro lado.

    Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s